Os Bilionários criadores da rede social facebook ainda se dedicam à tecnologia
Fechar Login
BAIXE JOGOS E PROGRAMAS GRÁTIS
Publicidade

Os Bilionários criadores da rede social facebook ainda se dedicam à tecnologia

Após completar 10 anos ontem da criação do Facebook, Mark Zuckerberg mantém as rédeas da rede social, mas seus companheiros da Universidade de Harvard, que o ajudaram a criá-la, têm se dedicado a outras coisas mas que tem haver com a tecnologia.

Publicidade

O que começou como um site voltado para alunos da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, se tornou um ponto de encontro para amigos conversarem, compartilharem fotos e vídeos, e até organizarem manifestações.

Mark Zuckerberg

Mark Zuckerberg durante evento em Washington
(EUA) (Foto: Jonathan Ernst/Reuters)

Mark Zuckerberg

Com 29 anos, o diretor executivo do Facebook controla a rede social com cerca de 29% do capital e 56% dos direitos a voto. Isso, juntamente com outros bens (imóveis, obras de arte, etc.), soma uma fortuna de US$ 29,7 bilhões, segundo a empresa especializada Wealth-X.

Destaque no setor de tecnologia, Zuckerberg também se envolveu com a política através de uma organização dedicada ao lobby fundada em 2013 e chamada “FWD.us”, que milita por reformas nos sistemas de imigração e de educação.

Filantropo, realizou junto à sua esposa, Priscilla Chan, bilhões de doações para diversas causas. Apesar de sua imensa fortuna, Zuckerberg segue fiel ao moleton cinza com capuz.

Chris Hughes

Chris Hughes, cofundador do Facebook
(Foto: Ángel Franco/The New York Times)

Chris Hughes

Ao contrário de Zuckerberg, Chris Hughes permaneceu em Harvard até obter seu diploma. Aos 30 anos, ganhou notoriedade ao chefiar o departamento de “redes sociais” na campanha presidencial de Barack Obama de 2008.

Em 2012, comprou a revista “The New Republic” “para ajudar a construir um futuro para o jornalismo de profundidade na era digital”. Lá, ele é editor e diretor.

Hughes também tem um fundo de investimento de risco e uma rede social especializada em atividades de caridade.

Eduardo Saverin

Brasileiro Eduardo Saverin, cofundador do
Facebook (Foto: Divulgação)

Eduardo Saverin

No filme “A rede social”, Saverin é apresentado como o amigo brasileiro de Zuckerberg e o primeiro a investir na rede social, antes de ser colocado para fora em 2005.

Hoje, aos 31 anos, renunciou à cidadania norte-americana e mudou-se para Cingapura antes da entrada do Facebook no mercado de ações, o que provavelmente o salvou de centenas de milhões de dólares em impostos.

Saverin declarou em 2013 que gostaria de permanecer na Ásia com a esperança de se tornar um investidor influente em tecnologia. A Forbes estimou sua fortuna em US$ 2,6 bilhões em agosto.

Dustin Moskovitz

Moskovitz atualmente tem 29 anos e, assim como Zuckerberg, deixou Harvard antes de se formar.

Saiu do Facebook em 2008 para fundar a Asana, empresa cujo aplicativo tem como objetivo organizar projetos e facilitar o trabalho em equipe, sem usar e-mail.

De acordo com a revista “Forbes”, sua fortuna em setembro de 2013 era de US$ 5,2 bilhões.

Tyler e Cameron Winklevoss

Os irmãos Winklevoss, em foto de outubro de 2010
(Foto: Adam Hunger/Reuters)

Tyler e Cameron Winklevoss

Apesar de não serem oficialmente fundadores do Facebook, os gêmeos Winklevoss acusavam Zuckerberg de ter lhes roubado a ideia da rede social.

Um acordo amigável selado em 2008 deu a eles e a outro colega de classe, Divya Narendra, US$ 20 milhões em dinheiro e US$ 45 milhões em ações da empresa. Suas tentativas de dissolver o acordo depois do crescimento do Facebook falharam.

Ambos os irmãos participaram das Olimpíadas de Pequim de 2008 no remo. Também fundaram seu próprio fundo de investimentos de risco e têm hoje um projeto relacionado à bitcoin (moeda virtual).

Em 2013, publicaram um projeto para a entrada na Bolsa da empresa Winklevoss Bitcoin Trust, com a intenção de permitir aos investidores o acesso à moeda virtual.

Sean Parker

Sean Parker foi um dos primeiros investidores
do Facebook (Foto: Divulgação/Facebook)

Sean Parker

Parker é cofundador do site de compartilhamento de música Napster e um dos primeiros investidores do Facebook.

Embora não tenha sido colega de faculdade de Zuckerberg em Harvard, tornou-se seu amigo, mentor e conselheiro, e foi um dos primeiros a reconhecer o seu potencial.

Parker foi o presidente inaugural do Facebook, em 2004, e o responsável por levar o primeiro grande investidor, Peter Thiel, com quem atualmente administra o fundo de investimento The Founders Fund.

Com 34 anos, sua fortuna era avaliada em US$ 2 bilhões em setembro de 2013.

Fonte : g1

Talvez você esteja procurando
Categoria: Tecnologia
×

Deixe seu comentário

baixakis-app